.

.

Total de visualizações de página

Você é a favor da pena de morte?
Sim
Não

Pessoas Online

Arquivos

Meus Vídeos

Loading...

Seguidores

TV NBR AO VIVO

domingo, 19 de maio de 2013

QUANDO UM JUIZ COMEÇA A SER COMPRADO?

QUANDO UM MAGISTRADO SE CORROMPE, É PORQUE TODA A DEMOCRACIA ESTÁ CONVALESCENDO!



É chato, mas é fato. As notícias se espalham por todo o país e correm mundo afora. A justiça brasileira, um dos alicerces para fiel atividade da cidadania e espelho cristalino da democracia tem sido alijada pelos tais que se dizem impolutos,mas estão a se corromper comprometendo a imagem de uma instituição séria.

Quando um Magistrado começa a ter patrimônio muito superior  á realidade dos seus vencimentos, em seu nome ou em nome de laranjas, com salário de funcionário público que ele é, com fazendas com inúmeras cabeças de gado e carrões importados; este magistrado mais se assemelha a um mafioso do que uma autoridade que detém a obrigação de promover justiça.

Juiz não deve fazer votos de pobreza franciscana, porém não pode se deixar ser corrompido com amizades duvidosas e comportamento desviado.

A safadeza começa quando um magistrado começa a aceitar pequenos mimos de partes que pelo julgamento do feito, acabam se afeiçoando ao dito magistrado. Depois vem os políticos que começam a gravitar em torno do Juiz, oferecendo seduções tais como finais de semana em casas descomunais e passeios de jatinhos.Quando então a coisa descamba para escancaração, com intermediários como advogados de primeira mão, fazendo ponte entre o magistrado e os empresários e também entre políticos.
Na mão dessa gente, a justiça cega neste caso, fica refém e acaba desconstruindo um poder cujo princípio basilar é a garantia da legislação no Estado Democrático de Direito, ou seja a cidadania.

No Brasil, só juízes e peixes grandes acreditam na justiça, a classe média e pequenos tem a justiça como uma das instituições mais desacreditadas do país.
Juízes sérios e comprometidos sofrem com a pecha porque tentam mostrar o outro lado da moeda, mas é como  nadar contra maré e remar contra a correnteza, acabam pagando preços altíssimos com remoções e alijamento de suas carreiras.
A  Associação de Juízes Pela Democracia, tem outra pauta e outro viés e tem como lema e bandeira a soberania da justiça e o respeito ao Estado Democrático de Direito, não pretende pactuar com a escória do judiciário do rabo preso, que de favor em favor (aqueles em que são pegos nas blitz por alcoolemia e ligam para o deputado liberar, mesmo sendo juiz) acabam por dever a alma ao diabo, pagando com suas vidas pessoais e de familiares, pela vergonha  e moral abalada. 

Quando um Juiz começa a ser comprado? Quando passa a ser amigo intimo de poderosos !
Fica a sugestão para os Acadêmicos de direito, assistir o filme: "Justiça Corrupta".

0 comentários