.

.

Total de visualizações de página

Você é a favor da pena de morte?
Sim
Não

Pessoas Online

Arquivos

Meus Vídeos

Loading...

Seguidores

TV NBR AO VIVO

terça-feira, 8 de outubro de 2013

AGRAVA-SE A SITUAÇÃO DO PREFEITO DE PAULO AFONSO NA BAHIA

ACUSADO DE NÃO RESPEITAR AS DECISÕES DO JUDICIÁRIO E ENFRENTAR AS DETERMINAÇÕES JUDICIAIS,PREFEITO DE PAULO AFONSO, ANILTON BASTOS PEREIRA TEM SITUAÇÃO PROCESSUAL AGRAVADA.

O PROCESSO 
0026133-31.2011.4.01.0000
TRAMITANDO EM BRASÍLIA CONTRA O PREFEITO ANILTON BASTOS PEREIRA ,ESTÁ NAS MÃOS DE UM DESEMBARGADOR SÉRIO, RESPONSÁVEL E COMPROMETIDO COM A JUSTIÇA. O PROCESSO CRIMINAL TEM MOVIMENTAÇÃO PROCESSUAL E SEGUE SEU CURSO NORMAL



O Desembargador Federal  Ítalo Mendes é professor da Universidade de Brasília, procurador Geral de Justiça e oriundo do Ministério público Federal, com larga experiência na área penal, ficou sendo o responsável para presidir o processo criminal (CRIME DE RESPONSABILIDADE) do prefeito Anilton Bastos. A robustez das provas nos autos fez com que o TRF aceitasse a denuncia criminal contra o prefeito que no ano passado solicitou remanejamento de verba para a secretaria de saúde no valor de dois milhões de reais, visando fechar as contas; e novamente esse ano procede do mesmo jeito, de forma estranha; solicitando o remanejamento de nada mais e nada menos do que a bagatela de R$ 6.500.000,00 (seis milhões e quinhentos mil reais), demonstrando que além dos maus serviços públicos prestados, a secretaria de saúde tornou-se um sorvedouro de dinheiro público e uma forma lúdica de ludibriar o povo com argumentos pífios sobre a gestão financeira municipal. Investigações apresentadas davam conta que laranjas que tinham carro de cachorro quente possuíam em suas contas bancárias 600 mil reais, sem que se quer vivam em condições de conforto mínimo, causando estranheza.

O prefeito ficou famoso no Brasil inteiro por ser o único prefeito que recebia salário superior ao da Presidenta da República, além de não se preocupar com a multa aplicada pela justiça, pelo descumprimento de liminar imposta. Respondendo ainda a mais dois processo no Tribunal de Justiça da Bahia por crime de improbidade administrativa  além de um processo eleitoral por abuso de poder econômico (este estranhamente não desenrola).

Agora, inexplicavelmente, no final do ano, o prefeito quer o remanejamento de mais de 3 milhões de dólares, para pagar servidores e credores. Como explicar? Enquanto o povo passa fome e está desempregado em sua maioria? Somente os asseclas e a radio proselitista do padrinho do prefeito é que tem as mamatas que o poder oferece, lambuzando-se capciosamente... 

A multa aplicada no processo para convocação dos concursados já ultrapassa a cifra dos 4 milhões de reais, muito mais. Quem pagará a conta? O povo ou o Prefeito.

LINK PARA PESQUISA: 


IP 

0026133-31.2011.4.01.0000 / BA 

AUTOR: 

JUSTIÇA PÚBLICA 

PROCUR: 

JULIANO BAIOCCHI VILLA-VERDE DE CARVALHO 

INDIC.: 

ANILTON BASTOS PEREIRA 

ADV: 

BA00019062 FABRICIO BASTOS DE OLIVEIRA E OUTROS (AS) 

RELATOR: 

JUIZ FEDERAL MURILO FERNANDES DE ALMEIDA (CONV.) 

A Seção, por maioria, vencido o Desembargador Federal Carlos Olavo, recebeu a denúncia, nos termos do voto do Relator.
Sustentou oralmente o Dr. Fabrício Bastos de Oliveira, pelo indiciado.

SOBRE O DESEMBARGADOR;

1 comentários

reporteramadorsbufchesf 9 de outubro de 2013 23:35

AÍ CECÍLIO
A COISA AQUI EM PAULO AFONSO ESTÁ PERTO DE UM RIO DE JANEIRO SEM LEI.
DES DE O FIM DA COPA DE VELAS 2013 OS TRAFICSNTES ESTÃO TOCANDO O TERROR EM PAULO AFONSO, JÁ FORAM APEDREJADOS 3 ONIBUS DA VITRAN E UM CARRO DA POLÍCIA MILITAR NO BAIRO PRAINHA , E TUDO ISSO FORAM OS TRAFICANTES QUE FIZERAM, AINDA POR CIMA 1 ONIBUS DA VITRAN E OUTRO ONIBUS DA ARATU FORAM ASSALTADOS SÓ ESTA SEMANA DE INÍCIO DE OUTUBRO DE 2013 NO BAIRRO TANCREDO NEVES, ALÉM DE UM MOTO TAXI REAGIR A UM ASSALTO NO BAIRRO PRAINHA, E SE LINCHADO ATÉ A MORTE PELOS PRÓPRIOS MORADORES E TRAFICANTES DO BAIRRO PRAINHA....
SIMPLISMENTE A SEGURANÇA DAQUI ESTÁ INDO PELO RALO....
ENQUANTO ISSO O PREFEITO ANILTON TORRA NOSSO DINHEIRO COM FESTAS E NÃO ESTÁ NEM AÍ COM O DESEMPREGO DOS JOVENS DE PAULO AFONSO.