.

.

Total de visualizações de página

Você é a favor da pena de morte?
Sim
Não

Pessoas Online

Arquivos

Meus Vídeos

Loading...

Seguidores

TV NBR AO VIVO

sábado, 24 de agosto de 2013

RECURSOS HUMANOS;COM SALÁRIOS QUE PODEM CHEGAR A 22 MIL REAIS, O TALENTO DAS EMPRESAS NAS MÃOS DESSE PROFISSIONAL


Saiba quais são as 5 carreiras que pagam salário de R$ 23 mil no Nordeste

Enquanto os salários dos engenheiros civis variam entre R$ 7 mil e R$ 10 mil, os de gerentes de obras vão de R$ 12 mil a R$ 23 mil
Victor Longo
victor.longo@redebahia.com.br 


Se você pretende ocupar um cargo de alta gerência em uma empresa, leia atentamente essa lista: diretor comercial, gerente de Recursos Humanos, engenheiro civil, gerente de obras e engenheiro de planejamento.

Esses foram os cargos mais demandados no primeiro semestre de 2013 em todo o Nordeste. O dado é de uma pesquisa recém-divulgada pela Michael Page, empresa líder de recrutamento especializado de executivos para média e alta gerência.

O levantamento foi feito com os especialistas das empresas nos principais polos econômicos do país.

Razões
A industrialização crescente na região, com as consequentes contratações em massa, o processo de profissionalização de empresas que antes pertenciam a grupos familiares e o aumento da competição entre empresas estão entre as razões para o aumento da demanda por profissionais para cargos como diretor comercial e gerente de RH de plantas industriais.

“As empresas passaram a ver uma necessidade de contratar diretores comerciais devido ao aumento da competição, já que muitas multinacionais têm se instalado na região”, explicou o diretor-executivo da Michael Page no Norte/Nordeste, Felipe Mançano. 

“Ter um diretor comercial é estratégico para as empresas, pois com esse tipo de profissional elas identificam melhor as demandas e têm maior competitividade”, explicou Mançano. “A alta demanda na indústria pelo gerente de RH  mostra o aumento do nível de amadurecimento do mercado. São as empresas pensando estrategicamente, tanto na retenção de talentos como em ter uma remuneração variada para motivar o profissional na empresa”. Os salários desses profissionais podem chegar a R$ 20 mil.

Apesar do arrefecimento do mercado imobiliário, posterior ao boom da construção civil vivido sobretudo em 2010, os engenheiros civis continuam sendo requisitados. Isso graças a obras de montagem industrial e de infraestrutura. “Hoje, o engenheiro civil não tem sido mais contratado muito para a construção predial, de condomínios residenciais, mas há uma grande demanda desses profissionais para obras de infraestrutura, como, por exemplo, a construção de aeroportos, ferrovias e estádios. E isso deve continuar”, afirmou o consultor de carreiras da Máxxima RH, Daniel Magno.

A tendência, no entanto, é que essa demanda ocorra cada vez mais em municípios do interior do estado, onde há uma previsão de mais obras para os próximos anos e de mais indústrias se instalando. Também entre os mais demandados no primeiro semestre, o cargo de gerente de obras - o profissional que planeja, organiza e controla atividades, contratos e recursos para a execução de obras de construção civil - deve ter ainda mais destaque nos próximos meses, segundo o especialista.

Enquanto os salários dos engenheiros civis variam entre R$ 7 mil e R$ 10 mil, os de gerentes de obras vão de R$ 12 mil a R$ 23 mil. Outro cargo de destaque no primeiro semestre foi o de engenheiro de planejamento, também resultado da crescente profissionalização das empresas. Os salários vão de R$ 6 mil a R$ 10 mil.

Apesar de não constar no levantamento da Michael Page, outros cargos como diretor de logística, controller (diretor-financeiro) e gerente de contrato estão entre os mais promissores para o segundo semestre na Bahia. “As empresas estão investindo muito na área de logística, com os chamados CDs, os centros de distribuição”, afirmou Magno. “Na região de Camaçari, tem muitas empresas construindo Centros de Distribuição. O Nordeste tem se tornado uma região central para a distribuição de produtos”, completou.

Qualificação
A presidente da Associação Brasileira de Recursos Humanos na Bahia (ABRH-BA), Ana Claudia Athayde, lembra da forte exigência de qualificação para cargos como esses. “Um diretor comercial, por exemplo, precisa ter uma visão sistêmica do negócio e um conhecimento técnico aprofundado”, ressalta. “Além da graduação, normalmente exige-se especialização e pós-graduação em áreas como Marketing e Gestão de Negócios”, lembra.

Áreas promissoras na Bahia
Diretor de logística
As empresas na Bahia têm investido cada vez mais na construção de centros de distribuição e o Nordeste tem se tornado uma região estratégica para a distribuição de produtos

Diretor financeiro
Responsáveis por gerir os recursos financeiros das empresas, os ‘controllers’ têm sido cada vez mais demandados

Gerente de contrato
Conhecimentos sobre contratos e certificações exigidas pelas grandes estatais têm sido grande necessidade

0 comentários