.

.

Total de visualizações de página

Você é a favor da pena de morte?
Sim
Não

Pessoas Online

Arquivos

Meus Vídeos

Loading...

Seguidores

TV NBR AO VIVO

terça-feira, 16 de fevereiro de 2016

PAULO AFONSO- BAHIA : GOVERNO FEDERAL EXPLICA O QUE É UM BANCO DE ALIMENTOS

PREFEITO DE PAULO AFONSO, EXPLICA QUE 450 MIL RECEBIDOS DO GOVERNO FEDERAL FOI PARA O BANCO DE ALIMENTOS
MENTIRA !
(será que todos são idiotas,Senhor Prefeito?)




O Governo Federal explica o que é um banco de alimentos e esclarece o seguinte:

Nos Bancos de Alimentos, os alimentos são recepcionados, selecionados, processados ou não, embalados e distribuídos gratuitamente às entidades assistenciais por Portal Brasil publicado: 30/07/2012 18h57 última modificação: 29/07/2014 08h56
MDS
Nos Bancos de Alimentos, os alimentos são recepcionados, selecionados, processados ou não, embalados e distribuídos gratuitamente às entidades assistenciais
Bancos de Alimentos são estratégicos no abastecimento e combate ao desperdício de alimentos 

As inscrições para os estados e municípios aderirem ao Projeto Banco de Alimentos foram estendidas até a próxima quarta-feira (1°). As propostas devem ser encaminhadas por estados e municípios para o Sistema de Gestão de Convênios e Contratos de Repasse (Siconv). O prazo anterior terminava na sexta-feira (27).
Os Bancos de Alimentos são estratégicos no abastecimento e combate ao desperdício de alimentos provenientes da cadeia agroalimentar urbana e metropolitana. O edital público contempla as localidades com Centrais de Abastecimento (Ceasas). Atualmente, existem 74 Bancos de Alimentos em todo o País.
O Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome vai investir R$ 7,5 milhões nesses Bancos de Alimentos. Esses recursos poderão ser utilizados para o financiamento da elaboração de projetos de engenharia; execução de obras e instalações; aquisição de equipamentos e materiais permanentes; compra de utensílios, materiais de consumo e veículos, para viabilizar o combate ao desperdício e o abastecimento alimentar nos sistemas agroalimentares urbanos e metropolitanos.
No ano passado, eles receberam 30 mil toneladas de gêneros alimentícios, que foram distribuídas a 5,5 mil entidades por mês, beneficiando 1,6 milhão de pessoas.

Banco de Alimentos
O Banco de Alimentos atua no recebimento de doações de alimentos considerados impróprios para a comercialização, mas adequados ao consumo. Os alimentos são repassados a instituições da sociedade civil sem fins lucrativos que produzem e distribuem refeições gratuitamente a pessoas em situação de vulnerabilidade alimentar.
A rede apoia o abastecimento alimentar local por meio da integração com outras ações de segurança alimentar e nutricional, como o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) e o Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae).
Os produtos recebidos são selecionados, separados, eventualmente processados, embalados e distribuídos gratuitamente às entidades socioassistenciais do Sistema Único de Assistência Social (Suas) que oferecem alimentação a pessoas em situação de insegurança alimentar e nutricional, além de contribuírem para o abastecimento dos Restaurantes Populares, Cozinhas Comunitárias e Escolas.
O MDS apóia a implantação e modernização de Bancos de Alimentos por meio de editais públicos de seleção.

Veja abaixo o vídeo do projeto Bancos de Alimentos:

0 comentários