.

.

Total de visualizações de página

Você é a favor da pena de morte?
Sim
Não

Pessoas Online

Arquivos

Meus Vídeos

Loading...

Seguidores

TV NBR AO VIVO

segunda-feira, 18 de março de 2013

CARTA ABERTA AO VEREADOR LUIZ AURELIANO DE CARVALHO FILHO

ESTE BLOG, SE VÊ NO DIREITO DE RESPONDER À ALTURA,  AO VEREADOR E MÉDICO, LUIZ AURELIANO DE CARVALHO FILHO ; DE PROJEÇÃO INSIGNIFICANTE.




Senhor médico, acusado de assassinato, dolosamente (quando a intenção há de matar); o Senhor teve o atrevimento de publicar uma missiva e publicita-la do alto de sua tribuna, perante os vereadores da casa legislativa da cidade de Paulo Afonso, no norte da Bahia.

Diz em sua débil sustentação que a Rádio Cultura de Paulo Afonso (AM/FM) estaria utilizando sua programação para difamar autoridades públicas e extorquir o governo municipal,abusando de calúnias,distorções e factóides,provocando desordem pública,prejuízos pessoais e políticos fim de obter um contrato financeiro pelo "silêncio Chantagioso".

Afirma ainda que unem-se em torno dos microfones da rádio a escória da comunicação e que a rádio fere os princípios democráticos quando tira o direito de defesa das instituições e do cidadão e para se defenderem precisam pagar por seu direito de resposta altos valores estipulados e afirma pessoalmente referindo-se  á minha pessoa que integro á rádio na condição de pseudo assessor jurídico que responde por estelionato.

Em síntese, é o que basta relatar e apresentar; e para rebate-lo começo inquirindo-lhe o seguinte:

QUANTO SUA PESSOA PAGOU PARA TER DIREITO DE RESPOSTA NO DIA QUE NA RÁDIO SE ENCONTROU E EU PESSOALMENTE AFIRMEI QUE O SENHOR ERA ACUSADO DE ASSASSINATO? SE PAGOU ALGUMA COISA, PASSOU RECIBO?

Pois bem, após esse questionamento é por demais importante esclarecer que todo programa "patrulha em seu rádio" é diariamente gravado em sua integralidade, para que se reproduza quando e aonde quiser acessando-se o sitio da Radio Cultura de Paulo Afonso; logo quem pedir direito de resposta na rádio com certeza lhe será atendido, diferentemente de sua leviana e malfada afirmação.

Caluniar alguém é imputar-lhe um crime ao qual não haja praticado, o que não é o seu caso, afinal de contas o Senhor foi denunciado ou não POR CRIME DE HOMICÍDIO DOLOSO? HOMICÍDIO É OU NÃO É ASSASSINATO DE ALGUÉM?

Ou o Senhor vai afirmar que a prática de homicídio corresponde á prática de furto, roubo ou até mesmo de tráfico?

Então volto a perguntar-lhe: O Senhor responde processo por assassinato ou não?

Vê-se de logo que suas desequilibradas atitudes, ora gritando com pessoas humildes, ora correndo atrás do jovem vereador Marcondes , para surra-lo, ora dizendo-se amigo pessoal do Ministro da saúde; e até mesmo acusando a Radio Cultura de Paulo Afonso de chantagear pessoas para ter direito de resposta, que  sua pessoa pauta-se pelo total desequilíbrio.

Comportamento de gente desesperada que sabe que vai perder a "boquinha" de vereador, e que irá a júri popular pelo crime de homicídio e que é acusado ainda pela morte de mais 3 recém nascidos.

Na rádio, eu que faço a  CONSULTORIA JURÍDICA, que nada mais é  do que um serviço de orientação dos direitos do cidadão, sem cobrar nada ;sem jamais exercer atividade privativa de advogado; faço-o por saber que pessoas humildes não podem ser vítimas de ardis de profissionais desqualificados como sua pessoa. Então eu te pergunto QUAL O ATO PRIVATIVO DE ADVOGADO QUE EU EXERCI? E QUAL O PROCESSO DE ESTELIONATO QUE EU RESPONDO?

 Veja bem que estou fazendo questionamentos aos quais Sua Senhoria não terá como responder; dentre o quais é  PROVAR JUDICIALMENTE QUE EU RESPONDO (PRESENTE DO INDICATIVO DO VERBO RESPONDER) ALGUM PROCESSO POR ESTELIONATO. 

Como  Sua Senhoria citou a rádio, nominando-a expressamente, por extensão dirigiu-se a minha pessoa que sou eu que faço a "consultoria jurídica" para a Radio Cultura de Paulo Afonso; do mesmo jeito que eu pergunto que QUALIDADE DE AUTORIDADE O SENHOR EFETIVAMENTE ACHA QUE É?

O Senhor não deve se esquecer que é acusado de assassinato, de que o relatório do  CREMEB  foi incisivo em desqualifica-lo e responsabiliza-lo e de que a auditoria do SUS DEMOSTROU QUE O SENHOR FOI O RESPONSÁVEL PELO DESVIO DE MAIS DE 900 MIL REAIS.

Logo o Senhor, médico, vereador, amigo de ministro da saúde é muito mais perigoso do que Eu. Portanto, deve se preocupar muito mais com a polícia do que eu.

Para finalizar, eu pergunto quem do seu partido do PT ou algum deputado, veio de público em sua defesa? Absolutamente ninguém, porque nenhum deles seria louco de se meter num poço de "escória" oriundo de vossa parte!

AGUARDE AS PROVIDENCIAS JUDICIAS QUE SAIRÃO DE SALVADOR.

0 comentários