.

.

Total de visualizações de página

Você é a favor da pena de morte?
Sim
Não

Pessoas Online

Arquivos

Meus Vídeos

Loading...

Seguidores

TV NBR AO VIVO

sexta-feira, 8 de março de 2013

Epidauro Pamplona IN REFLEXÕES DA URBE PAULO AFONSINA

Fiscalização da prefeitura com 'dois pesos e duas medidas'; veja nas 'Pérolas do Senadinho'
Redação 
redacao@ozildoalves.com.br


Crédito: Divulgação

8 de Março: Mulher, entre as estrelas escrevi teu nome... Julinho de Marlene
“O pau que bate em Francisco...”
No governo Anilton Bastos, “nem sempre bate em Chico”, haja vista a perseguição acirrada aos que não rezam em sua”cartilha deusística”, assim como a direção do Lavajato do Coreto (Foto 01) que após 12 anos de funcionamento é obrigada a encerrar suas atividades apenas por não ter votado no desgoverno que aí está; e o proprietário do Amazônia Mix, obrigado a retirar sua cara e bonita placa somente porque não agradou à visão da obliterada Administração Municipal que, propositadamente, fecha os olhos quando seus apadrinhados empresários colocam seus dejetos de supermecado nas calçadas, até de sua única “obra prima”, a cobertura VIP da feira (Foto 02), como se dois pesos e duas medidas substanciassem a “bússola” tendenciosa do atual governo. Assim não dá!
“Operando em Alta”
Assim procede o deputado estadual e vice  líder do governo na Assembléia, Mário Negromonte Júnior, PP, ao adentrar na luta dos moto taxistas e dos motoristas de transporte escolar  da Bahia, contribuindo sobremaneira para que deixe de vigorar a inspeção veicular anual em Feira de Santana, tão onerosa e dificultosa para estas classes que labutam no transporte imprescindível de vidas. A extinção da via sacra foi um “gol de bicicleta” do neófito parlamentar que os agraciados jamais esquecerão. Parabéns!
Afagos Presidenciais:  
Ratificando as palavras da senadora Lídice da Mata, PSB, em discurso recente em Paulo Afonso, o ex ministro e deputado federal Mário Negromonte, PP,  é, indubitavelmente, um dos diletos da presidente Dilma, haja vista foto em apenso nesta coluna que vale mais que mil palavras. Em “alta”, o nobre parlamentar do Partido Progressista é cotado para a chapa majoritária do governo da Bahia  e das proporcionais para o Senado e Câmara dos Deputados. Os serviços prestados à Bahia e ao Brasil os credencia  para tanto. “Valeu o boi, deputado, salamarico!
“Diaspora”
É a revoada  política  de alguns parlamentares e lideranças da 10ª Região Administrativa da Bahia, supostamente ligados ao deputado estadual do PT que ora migram  para o PP, desiludidos com as promessas de campanha não cumpridas do parlamentar barbudo e sua “ligação perigosa” com o alcaide pauloafonsino, PDT,  que suscita dúvidas até dos menos esclarecidos que acham, no figurado, que “cachorro e lobo” não se dão bem por muito tempo. Como coração de mãe, o Partido Progressista os recebe de braços abertos ... Ora pois pois...
Descaso
Com os mortos da cidade  é o que tem feito o ciclo do PFL/DEM/PDT em seus mais de vinte e quatro anos de hegemonia política em Paulo Afonso,  sem sequer construir  uma capela para a população velar por  seus entes queridos que vão para o além-túmulo. Às pressas, uma reunião do PCdoB na Câmara de Vereadores no último dia 07 do corrente  foi interrompida para que o cadáver de um popular fosse velado naquela egrégia Casa de Cultura Política. O fato suscita Cícero, o romano: quosque tandem abutere patientia populli? Até quando  abusarão da paciência do povo? 
“Na Corda Bamba”
A família do saudoso senhor Gabriel entrou  com representação no CREMEB contra os médicos Luís Aureliano, (caso Roselma), e Rogério Kaipf, (“diplomado” na Bolívia), por imperícia, negligência e imprudência que levaram à morte o seu ente querido antes da ordem natural dos acontecimentos. A solicitação foi acatada pela entidade que suspendeu, por enquanto, os “esculápios da medicina” por trinta dias de suas atividades médicas.
“Acredite se quiser”:
Na Câmara de Vereadores o polêmico ex secretário de Saúde, Luís Aureliano, PT, na contra-mão dos princípios que regem a Administração Pública nos três poderes da República, contrariando à razão e  o bom-senso no acima exposto, é membro da Comissão de Constituição e Justiça da Casa e relator da Comissão de Saúde e Educação do Município. No popular... “Em terra (câmara) de cegos,  quem tem retórica proficiente  e um só olho é rei!”
O Programa Patrulha, A Verdade No Seu Rádio,
Da Rádio Cultura de Paulo Afonso, BA, apesar dos destemperos verbais intrínsecos  de seu diretor-presidente Antônio José Diniz contra seus colaboradores e funcionários que o suportam visando mais o interesse público que o pecuniário, é o mais ouvido no município segundo  estatísticas informais do quotidiano radiodifusivo regional para desespero do concorrente e  apedeuta do ar e sua fauna de penas, (patos e avestruzes), que  não emprenha mais os ouvidos dos seus esporádicos ouvintes. A humildade sociológica/antropológica é condição sine qua non (condição sem a qual nada pode ser feito) para o primeiro degrau da sabedoria. Na Cultura e sua administração, mutatis mutandis, (mudando o que deve ser mudado), o ouvinte inteligente só tem a ganhar...
“Bombeiro”:
Foi como agiu o altruísta e  cardiologista Dr. Ari nas controvérsias apimentadas da equipe do caloroso programa supra mencionado da rádio Cultura. No frigir dos ovos, no ar da imprescindível radiodifusão, tudo parece ter voltado ao normal após as beligerâncias verbais próprias de um programa de radiodifusão ao vivo, dinâmico e  interativo em busca da verdade real,  política, econômica e social,  que interessa a “gregos e trioanos”,  tendo em vista o bem comum do ouvinte inteligente que sintoniza e interage, com sua voz,  no que de melhor existe no ramo radiofônico em Paulo Afonso e Regiâo.
Se arrependimento matasse...
Diniz da Rádio Cultura e grande parte de seus dedicados ouvintes estariam mortos e enterrados por terem  votado no atual prefeito, Anilton Bastos, DEM/PDT, segundo suas palavras no ar das emissoras AM e FM.
Por Epidauro Pamplona

0 comentários